Anúncie no portal da Rdio Cultura AM 1260 - So Borja
Notícias São Borja

AGESB e Unipampa divulgam resultados da pesquisa de satisfação do Transporte Público

Rafael Vigna Postado dia 05/12/2019

AGESB e Unipampa divulgam resultados da pesquisa de satisfação do Transporte Público

A AGESB (Agência Municipal dos Serviços Públicos Delegados de São Borja) e a Unipampa divulgaram na noite desta quarta-feira, dia 4, os resultados da Pesquisa de opinião sobre o transporte público em São Borja.  Os dados foram coletados entre os dias 1º de outubro a 7 de novembro, em diferentes horários, pelas acadêmicas Débora Correia, Graciele Silva e Marilei Calazans, com a orientação do professor doutor Valmor Rhoden.

O objetivo é verificar a satisfação do usuário do transporte público de São Borja. Ao todo, foram aplicados 400 questionários, em paradas de ônibus de todos os bairros da cidade, além da aplicação dentro dos próprios ônibus, em diferentes horários e dias incluindo os finais de semana. Desta forma, a metodologia empregada possibilitou entrevistar uma variedade de usuários, distribuídos de acordo com a média de uso de cada linha. A nota média obtida foi de 6,1 pontos, com avanços sobre nota de 2018.

A parceria entre a AGESB e a Unipampa surgiu no ano de 2014 e se solidificou no curso de Relações Públicas, em que foram realizados diversos trabalhos. A parceria se estendeu para o setor de comunicação, em que foram contratados estagiários que vem construindo, promovendo e divulgando a imagem do órgão na cidade. Neste aspecto, dos pesquisados 62,8% são do sexo feminino e 37,2% do sexo masculino; 36% estão na faixa etária de 25 a 39 anos; 28% de 16 a 24 anos, 20,8% de 40 a 59 anos e 15,2% estão com mais de 60 anos.

Sobre a renda, 40,2% afirmam possuir até um salário mínimo,38,7% afirmam possuir mais de um até dois salários mínimos e 2,2% afirmam possuir três a cinco salários mínimo.  De acordo com os dados, 26,6% possuem ensino médio completo, 22,1% possuem ensino médio incompleto, 18,1% possuem ensino superior incompleto, 12,2% possuem ensino fundamental incompleto, 7,8% possuem ensino fundamental completo e 6,9% ensino superior completo. Quanto ao tipo de usuário, 34,5% afirmam utilizar vale-transporte, 26,6% afirmam ser estudantes, 22,8% afirmam ser pagantes e 13,6% possuem gratuidade.

Em relação ao motivo da utilização do transporte público, 44,7% utilizam para o trabalho, 27,5% utilizam para estudo, 9,7% utilizam para outra finalidade, 8,4% utilizam para lazer e 5% utilizam para a saúde. Sobre a frequência da utilização dos ônibus, 62% utilizam cinco ou mais vezes, 17,1% utilizam uma vez na semana, 10,9% utilizam duas vezes na semana, 7% utilizam três vezes na semana e 3% utilizam quatro vezes na semana.

Referente aos horários dos ônibus, 47,7% consideram bom, 30,5% consideram regular, 10,2% consideram ruim, 7,4% consideram muito bom e 6,7% consideram muito ruim. Em relação à acessibilidade nas paradas de ônibus, 30,8% responderam ser ruim, 26% responderam ser regular, 23,6% responderam ser muito ruim, 17,9% responderam ser bom e 1% responderam ser muito bom. Em relação à acessibilidade dentro dos ônibus, 35% responderam ser regular, 22,1% responderam ser ruim, 20,1% responderam ser bom, 20,1% responderam ser muito ruim e 1,7% responderam ser muito bom.

Em relação ao valor atual das passagens, 45,7% consideram ser ruim, 22,6% consideram ser muito ruim, 15,1% consideram ser bom e 14,9% consideram ser regular. Quando questionados sobre a percepção dos esforços feitos para que a tarifa não tivesse reajuste, 71,5% afirmam que sim e 28,5% afirmam que não. Por outro lado, quando perguntados se estariam dispostos a pagar por um transporte diferenciado, 65% afirmam que não e 35% que sim. 

Gostou da Matéria? Deixe-nos seu curtir ou Deixe seu Comentário

Fique sempre Atualizado

Receba em seu e-mail as notícias da cidade, promoções e tudo sobre a programação da Rádio Cultura AM 1260




Todos os direitos reservados à ESBC - Empresa São-borjense de Comunicações Ltda

© Radio Cultura AM 1260 - 2014

Desenvolvido por: