Anúncie no portal da Rdio Cultura AM 1260 - So Borja
Notícias Geral

São Borja perde e não consegue escapar do rebaixamento

Rafael Vigna Editado em 13/04/2019

São Borja perde e não consegue escapar do rebaixamento

Não deu! Durou pouco a participação do Bugre na Divisão de Acesso. Foram exatos 14 jogos - 3 vitórias, 5 empates e 5 derrotas - antes do rebaixamento. Na tarde deste sábado (13/4), o São Borja dependia apenas de suas próprias forças. Foi para o jogo decisivo, contra o União Frederiquense, com o privilégio de apenas um empate para conseguir permanecer na Divisão de Acesso do Campeonato Gaúcho. Diante da torcida, no Estádio Vicente Goulart, a equipe encontrou no nervosismo o seu pior adversário. Largou em desvantagem no placar, não reagiu e acabou perdendo o jogo por 2 a 0.

Fora das quatro linhas, é preciso exaltar a vontade da diretoria que, contra todas as probabilidades, conseguiu montar um time e resgatar o futebol em São Borja. Apesar dos reconhecidos esforços, esbarrou, inevitavelmente, nas dificuldades financeiras, logística de viagens e até alguns percalços com a arbitragem. Foi por pouco, mas valeu muito! Nas arquibancadas, a torcida Bugreira merece um capítulo a parte. Jogou junto, vibrou e sofreu. Resta agora torcer para que o resultado de hoje e o desfecho da temporada não interfiram em novas tentativas. Que o futebol de São Borja permaneça vivo, grande e forte como seu passado!

Em campo, Faltou qualidade, estrutura financeira, um pouco de experiência e muita raça para que a AESB conseguisse escapar da condição de lanterna do grupo. Do outro lado, os rivais de Frederico Westphalen tiveram mais sangue frio e muita vontade para construir a vitória. Foi uma tarde triste para o futebol são-borjense, porém justa, pelo que apresentaram as duas equipes em campo.   

Na primeira metade da etapa inicial, a afobação predominou. Com os dois times demonstrando muita tensão, o futebol ficou de lado. Os donos da casa detinham uma leve vantagem na meia cancha e chegaram com perigo em duas oportunidades, aos 15 e aos 26 minutos.A partir deste momento, só deu União. Os visitantes acertaram a trave aos 33 minutos com Jefferson, e aos 35 minutos com João Arthur.

O gol parecia próximo e, de fato, não demorou a sair.Aos 42 minutos, após o cruzamento da direita, a bola raspou na mão de Bruno Teixeira na grande área: Pênalti para o Leão da Colina. De perna esquerda, Jefferson bateu com categoria e abriu o marcador: União um, São Borja, zero!

No retorno dos vestiários, o São Borja teve pouco mais de 45 minutos para tentar uma melhor sorte na partida. Nas arquibancadas, a torcida cobrava raça e vontade. Em campo, já nos primeiros movimentos, foi possível perceber que a ansiedade dominava ainda mais as ações.  

A partida foi truncada, bastante faltosa, com muitos erros de passe e poucas chances de gol. As ambições do Bugre pareciam estar mesmo restritas a sua fiel e apaixonada torcida. No gramado, a atuação do time não condizia com a necessidade de estabelecer o resultado de, pelo menos, um empate. Aos 43 minutos, Silvano, de voleio, marcou União 2 a 0. O gol, selou o placar, garantiu o União Frederiquense na Divisão de Acesso do ano que vem e pôs um ponto final nas pretensões do São Borja na competição. Confira aqui a tabela final da primeira fase

Gostou da Matéria? Deixe-nos seu curtir ou Deixe seu Comentário

Fique sempre Atualizado

Receba em seu e-mail as notícias da cidade, promoções e tudo sobre a programação da Rádio Cultura AM 1260




Todos os direitos reservados à ESBC - Empresa São-borjense de Comunicações Ltda

© Radio Cultura AM 1260 - 2014

Desenvolvido por: