Anúncie no portal da Rdio Cultura AM 1260 - So Borja
Notícias São Borja

Governador definirá protocolos de retorno das aulas na próxima semana

Anelise da Costa Andres Editado em 15/05/2020

 Governador definirá protocolos de retorno das aulas na próxima semana

A expectativa é de um retorno gradual, com divisão de turmas e redução de horários

Foto: Escola Olavo Bilac/ Arquivo ESBC

O Governador Eduardo Leite, durante pronunciamento via live, na tarde desta quinta-feira, 14, falou sobre o retorno das aulas, mas deixou para anunciar na próxima semana os protocolos de retorno às aulas nas escolas públicas e privadas no Rio Grande do Sul. A expectativa era de que o anúncio fosse feito nesta sexta-feira, dia 15. Com relação ao tema, ele adiantou que em um primeiro momento, a prioridade será para o ensino à distância, mas com algum nível de participação presencial.

De acordo com o chefe do Executivo, os protocolos que orientarão a retomada gradual das atividades serão rígidos e avaliados permanentemente, para evitar riscos à população. E frisou que a reabertura das escolas estará condicionada à bandeira de classificação definida em cada cidade, bem como a autorização dos municípios.

 Entre as medidas estudadas pelo governo, estão a divisão das turmas, para permitir maior distanciamento nas salas, e também a redução dos horários das aulas para garantir menor circulação de pessoas e facilitar a higienização dos locais. "Protocolos rígidos estão sendo elaborados, de forma a reduzir a possibilidade de contágio e, por isso, devemos programar um retorno com prioridade do ensino a distância, mas com algum nível de participação presencial para manter vínculos e oportunidades de entrosamento, mas de forma regrada e regulada", disse Leite.

De acordo com o Sindicato do Ensino Privado (Sinepe), a reabertura das instituições de ensino estará condicionada à execução dos protocolos, à bandeira de classificação do distanciamento controlado e à decisão das prefeituras, não cabendo à entidade decidir sobre a reabertura das escolas e universidades. “As instituições de ensino que estiverem localizadas em municípios com autorização para reabrir e com condições de atender aos protocolos estabelecidos, terão autonomia para definir sobre a reabertura”, salienta o presidente do Sinepe, Bruno Eizerik.

Por enquanto, para viabilizar a ampliação das aulas à distância, o governo gaúcho conta com apoio da Assembleia Legislativa, que liberou R$5,4 milhões, para que o Estado adquira, por meio da Secretaria de Educação, um pacote de dados da internet, que será disponibilizado aos alunos para acesso às atividades remotas via telefone celular. O repasse será feito ao longo de 12 meses e o pacote de dados permitirá acesso  exclusivo ao conteúdo educacional. 

Na última semana, o governador anunciou a transmissão de aulas, pela TVE, destinadas aos alunos do Ensino Médio, como forma de mitigar os danos causados pela suspensão das aulas presenciais. As atividades serão preparatórias para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). As aulas pela TVE serão transmitidas de segunda a sexta, das 19h às 22h15min, a partir de 18 de maio.

Gostou da Matéria? Deixe-nos seu curtir ou Deixe seu Comentário

Fique sempre Atualizado

Receba em seu e-mail as notícias da cidade, promoções e tudo sobre a programação da Rádio Cultura AM 1260




Todos os direitos reservados à ESBC - Empresa São-borjense de Comunicações Ltda

© Radio Cultura AM 1260 - 2014

Desenvolvido por: